segunda-feira, 27 de junho de 2016

Como fazer uma criança comer frutas, legumes, verduras e cereais... Escondendo?

Como uma pessoa que sempre detestou comer legumes e verduras e só começou a comer, de verdade, depois dos 30 anos, posso ajudar, com tranquilidade, qualquer pessoa a comer bem... a experiência é o melhor professor!

Já ouvi vários nutricionistas dizerem que, as vezes, precisamos experimentar um alimento 10 vezes para gostarmos, já que assim nosso paladar se acostumaria...

Agora, me responde uma coisa: 
Qual a chance de uma criança colocar um alimento na boca, perceber que não gosta, cuspir e depois experimentar outras 9 vezes??

Então tem que haver uma forma mais fácil...

Depois de muitos anos fugindo, de todas as formas, desses alimentos consegui achar a melhor forma pra consumi-los...
Antes, preciso explicar mais umas coisinhas sobre o paladar chato, que é o meu caso...
Nem sempre o "não gosto" está ligado ao sabor...

Não gostava de alface por causa da textura...
Não gostava do brócolis por causa do cheiro...
Não gostava da melancia por causa da dificuldade da digestão...
Não gostava de beterraba por causa da temperatura... 
Não gostava da couve manteiga por causa do gosto, da textura, do cheiro...
Não gostava da abóbora e do inhame porque achava muito massaroquento...
Não gostava de cebola porque ardia minha boca e deixava aquele sabor horrível...

Entendeu?
Levei anos para descobrir o quanto isso era importante, pois só depois de encontrar o problema, conseguimos sua solução, né?!

Assim, comecei a tentar solucionar esses "problemas"...

Cortava a alface bem fininha e misturava com algo mais consistente, tipo purê de batatas...
Cortava o brócolis bem pequeno e misturava com o arroz...
Aquecia a beterraba...
Me forçava a comer couve manteiga, colocando muuuuuuuito pouquinho no meu prato...
Experimentei outros tipos de abóbora mais aguadinhas...
Fiz purê e torta de inhame, utilizando a batata como máscara...
Conheci a cebola roxa e vi que é menos ácida e experimentei a Cebola no bafo sem bafo (link da receita aqui!)
 
Quando o problema é o sabor, realmente a história de experimentar várias vezes ajuda... e muito!
Ou seja, esconder os alimentos saudáveis fez com que eu conseguisse, hoje, comer tranquilamente, e o melhor de tudo, consumir com prazer!
 alimentacao; brocolis; menino; refeição (Foto: Gabriel Rinaldi / Editora Globo)
O fato de você adorar comer cebola e ouvir seu crec crec não significa que outra pessoa vai gostar também...

Muitos médicos são contra "esconder" os alimentos, já que a criança precisa ver e saber o que está comendo e tal... 
É claro que concordo com isso, mas e se pensarmos assim:
  • continuar oferecendo todos os alimentos;
  • esconder tudo que for negado, de diversas formas, até encontrar uma que passe sem ser percebida;
  • resultado = consumo de alimentos saudáveis + apresentação e conhecimento dos alimentos + paladar acostumado com os novos sabores
 A Revista Crescer fez uma reportagem sobre isso (link aqui)  

Minhas primeiras refeições saudáveis eram graças ao suflê de legumes e ao curry.
Mas havia tinha um probleminha, nem sempre a receita do suflê é saudável!

Aprendi várias receitas no Programa da Bela Gil, mas o mais importante foi o incentivo a descobrir formas diferentes, e mais fáceis, de consumir esses alimentos tão bons para nossa saúde.

Agora que já dei "meu testemunho" e mostrei que não é frescura não gostar de comer bem, vou colocar uma listinha de receitas que podem dar certo com você, assim como deu comigo...
 
O link está no nome da receita!
 
Egg Muffin - essa receita é o maior sucesso aqui no blog, recebe muuuuuitas visitas diárias! é uma das melhores formas de incluir alimentos saudáveis! Adoro! Ainda tem o atrativo de caber na mão da criança, o que parece besteira, mas não é!
 
 
Escondidinho de Legumes feito com massa de Inhame -  uma receita para levar para a vida, sem dúvida a receita que me deixa mais feliz quando faço, porque é muito gostoso, muito saudável e muito flexível, já que você pode fazer com vários "recheios".

Arroz de Brócolis - pode não ser muito fácil, já que ao ver o "verdinho" algumas crianças já rejeitam, mas o sabor é ótimo! Ahh agora só fazemos com Arroz Integral.
 

Suflê de Brócolis - é bem disfarçado, mas a história do leite, manteiga, farinha, além do trabalho das claras em neve, me faz ter preguiça dessa receita!
 
 
Arroz Integral de Lentilha com Casca de Abóbora - uma receita que faço muito... a casca da abóbora de desmancha toda.
 
 
Molho de Tomate Caseiro super saudável - Amamos essa receita!! Paramos de comprar molho pronto! Tem tomate, abóbora, cenoura, beterraba, alho, cebola, orégano e ainda dá para acrescentar os temperos que você quiser. Duvidooooo uma criança negar esse molho!! Minha amiga Fernanda Belém transformou esse molho em uma Sopa de Tomate.
 

Purê de Inhame - foi uma das primeiras receitas saudáveis que consegui comer, nesse estilo "minimizando o sofrimento de comer legumes". Só acho ruim o fato de precisar acrescentar manteiga e leite. Algumas alternativas: é ir acrescentando a água do próprio cozimento, usar ghee e leite vegetal...
Ghee - outra receita para a vida! Muito mais gostosa e mais saudável do que a manteiga! Ahh e a textura é super parecida!

Cebola no Bafo sem Bafo - só é preciso substituir o papel alumínio (que li que é terrível para a saúde) pelo papel manteiga. A cebola fica murchinha, sem aquele ácido, fica meio docinha até...muito gostosa!
 
 
Homus Tahine Tradicional (de grão de bico) - foi a única forma que achei, até agora, para comer grão de bico. Essa "pastinha" tem um sabor forte e a melhor forma de esconder o sabor é colocando bastante limão e/ou alho, mas não significa que será facilmente aceito por uma criança. Por acaso, eu sempre amei! Meu noivo ama limão, então quando faço tenho que chapar limão na receita!

Homus Tahine de Feijão Fradinho - outro alimento que não comia nunca! Essa receita eu encontrei no livro da Bela Gil (falei dele aqui!) e amei! Faço com bastante frequência!

Creme de Manga com Inhame - essa receita deu errado por algum motivo, já que era para ser um sorvete... mas ficou deliciosa! kkkk É mais uma receitinha da Bela Gil, só acho que não está no livro, não me lembro! O inhame não ficou batidinho, ficou tipo floco de coco, só que sem gosto nenhum, o que me deixou apaixonada!
 
 
Frango na Abóbora Hokkaido - essa abóbora é bem docinha e aguadinha, bem mais fácil de comer! Ainda dá pra fazer uma sopa do hulk batendo no liquidificador! Ahh não esqueça de trocar o papel alumínio pelo papel manteiga, hein!
 
Mousse de Chocolate feito com Abacate - essa receita receita é bem maneira e engana fáááácil qualquer um! 
 
Maçã assada com Canela (sem açúcar) - ótima opção para sobremesa! Como fica molinha, é fácil criança gostar! Essa foto ficou super feia, né?!
 
  
Mix de Nuts - essas oleaginosas fazem muito bem pra saúde, mas tem muita criança que tem alergia... então é bom ficar atento quando for experimentar!
 
Mingau de Aveia com Gérmen de Trigo - adoro!! Uma forma fácil demais de criança consumir aveia... nem precisa mastigar! Eu acrescento banana amassada... Só é preciso ver a textura que mais agrada: mais grossa ou mais ralinha...
 
 
Panquecas Saudáveis - essa receitinha é fácil e rápida. Também não tem como uma criança negar!
 
Suflê de Cenoura - umas das primeiras que comi e adorei! O sabor predominante é o do queijo parmesão...
 
Peras Caramelizadas - tem cara de coisa gorda e, apesar de ter açúcar, é um açúcar com mais nutrientes.
 
 
Salada de Frutas - claro que essa receita é antiga e a maioria das pessoas já deve ter tentado, mas essas apresentações podem dar um tchan...
 
Novas apresentações  -  uma boa ideia para fazer uma gracinha...
 
Vitaminas - é a forma mais antiga e mais eficaz das mães fazerem seus filhos consumirem frutas! E uma das mais fantásticas!
Ainda tem aqueles temperinhos que dão um up nos nutrientes, orégano, noz moscada, gergelim, farinha de linhaça, sálvia, canela, louro, pimenta... Falei deles aqui ó!
 
O G1 fez essa publicação bem maneira sobre formas mais criativas de servir os pratos infantis (link aqui!)
Nutricionista monta diferentes opções de pratos saudáveis para as crianças (Foto: Thais Kaniak / G1PR)

Se você ainda não está convencida da importância que tem experimentar novas formas de fazer seu filho (a) se alimentar bem dá uma olhadinha nesses links: 

 
 
Outras atitudes também contribuem muito com a nossa saúde, como a aposentadoria das frigideiras antiaderentes! A melhor alternativa é utilizar as de cerâmica ou ferro esmaltado, que são livres de Cádmo, Chumbo, Mércurio, PTFE e PFOA...

Achei essa imagem bem maneira...
 prato-saudável[1]
A alimentação reflete diretamente no comportamento infantil, além, é claro, do desenvolvimento...
Achei esse blog aqui com informações bem maneiras sobre os riscos da obesidade infantil : Endocrinologia Pedriatrica

Lembrando que a criança tem que ser saudável, e não magra ou gorda...

Ahh é como resolvi o problema da má digestão da melancia? 
 
Não como mais!
kkkkkk
Infelizmente, ainda não descobri a solução...

depois desse super post...
bj pros alimentos que nos fazem bem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...